(51)99769-9735

NO AR

Programação Musical

Com Igapre Rádio

Brasil

Luiz Hermínio: “provamos nestas eleições que a nação brasileira ainda pensa!”

Publicada em 08/10/18 as 20:14h por RADIO IGAPRE - 2 visualizações


Compartilhe
   

Link da Notícia:

 (Foto: RADIO IGAPRE)

O pastor Luiz Hermínio, do ministério Mevam, manifestou-se nesta segunda-feira (8) sobre o resultado das eleições. O Brasil volta às urnas no dia 28 para escolher entre Jair Bolsonaro (PSL) e Fernando Haddad (PT).

“O que provamos nestas eleições? Que a nação brasileira ainda pensa! Não somos conservadores de direita, mas tradicionalistas pela experiência”, escreveu ele em um longo texto publicado em suas redes sociais.

Segundo o pastor, o Brasil é “feito de um povo inteligente e que não se alimenta de um grupo desconstrutivo, crítico intelectual inspirado em Marx, Engels, Lenin ou qualquer outro fascista criado pelo sincretismo de ideias ultrapassadas que destroem a base social, corrompem o curso da história e roubam a riqueza nacional (literalmente)”.

Fazendo algumas considerações sobre a história recente do país, disse que devemos “pensar criticamente” e olhar para a situação do país para “ver que as falsas promessas anestesiaram o povo por mandatos sujos que deixaram o nome do Brasil na lama”. Mesmo sem citar o nome do Partido dos Trabalhadores, minimizou o discurso característico de seus apoiadores.

“Não me venha com discurso sobre justiça e equidade pois venho do gueto e me tornei uma voz para os oprimidos, por 18 anos sustentamos projetos sociais de transformação comunitária que acolhe crianças vulneráveis, mulheres desamparadas, homens necessitados sem cataloga-los por cor, gênero ou origem. Isso feito com dinheiro de gente brasileira e não de apoio governamental”, destacou.

O líder do Mevam destacou ainda que “não precisamos da politicagem, mas entendemos que política precisa da igreja de Cristo”. Para Hermínio, é necessário que continuemos defendendo os valores da família, sem esquecer que é preciso avaliar bem “a corrupção sistêmica, a falcatrua, os investimentos internacionais alocados em manobras comunistas nos países adeptos a este modelo de governo miserável”.

Ele falou ainda sobre críticas que os evangélicos recebem por não se dobrarem à agenda do politicamente correto. “Não somos machistas, feministas, enfim sexistas, somos criacionistas e ainda acreditamos no homem e na mulher como obra perfeita da criação de Deus”, destacou.

Disse ainda que não somos “elitistas pois queremos justiça ao pobre, órfão, viúva e necessitado” e tampouco “segregalistas, pois a miscigenação é o que nos dá beleza e força”.

Assegurou em seguida que os evangélicos não são homofóbicos. “Apenas não nos submetemos à ditadura gay. Amamos homossexais e respeitamos a escolha de cada indivíduo em conduzir suas vidas da maneira que entendem, mas se estiverem insatisfeitos com a vida que levam oferecemos possibilidade de transformação, não estética mas essencial e existencial”, ponderou.

Reforçando que se identifica com as propostas de Bolsonaro e ora por ele, Hermínio finalizou lembrando que o desejo dos brasileiros é por “um país com políticas públicas justas, reformas necessárias, um país seguro, estável sem o caos da perversão da família”.






Deixe seu comentário!

ATENÇÃO: Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente do nosso site. Toda responsabilidade das mensagens é do autor da postagem.

 
Enquete
O Que Você Achou Do Novo Site ?

 Otimo
 Bom
 Regular
 Parabéns







.

LIGUE E PARTICIPE

(51)99769-9735

Visitas: 12628
Usuários Online: 5
Copyright (c) 2018 - RADIO IGAPRE - RADIO IGAPRE DISCIPULANDO VIDAS